sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Celebrações Natalícias - Horários



1º Presépio - Família Santos Freches






Faz uma foto do teu presépio...


 Que a alegria do Natal cresça cada vez mais no teu coração, é lá que Jesus quer habitar

Começaram hoje a chegar as primeiras fotos do presépio das nossas famílias, como resposta ao convite: Faz uma foto do teu presépio e envia-nos para o email: paroquiaspedro@gmail.com 

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

domingo, 18 de dezembro de 2016

Advento - IV Semana


Quase a chegar ao Natal, no nosso Presépio temos já Maria e de José. Eles são a presença de Advento que mais nos ensina a disponibilidade e o acolhimento. 
Acendemos também a quarta vela de Advento e assim podemos sentir a proximidade e a intensidade da Luz de Cristo que nos visita. Ela é sinal de que queremos caminhar juntos para celebrar o Natal de Jesus


       


ACÇÃO DE GRAÇAS

O Anjo
Nada no mundo lembra mais as asas de um anjo
do que um par de mãos vazias

Só mãos vazias visitam e se deixam visitar por outras mãos
Foram as mão do anjo do Senhor que iluminaram as de Maria
e as de Maria iluminam hoje as nossas

Que as nossas mãos vazias, Senhor
possam acolher o Teu Natal

Texto: José Tolentino Mendonça (adaptado)


domingo, 11 de dezembro de 2016

Advento - III Semana

Com a proximidade do Natal somos convidado a estar atentos aos outros. Vivemos a alegria de que o Senhor está próximo! A alegria de quem espera o nascimento do Menino Jesus! Desta alegria, queremos ser mensageiros felizes.
Hoje e o próprio Jesus que nos entusiasma a olhar o rosto do meu irmão, que pode ser um irmão mesmo, um amigo, um colega…e dedicar-lhe algum tempo.


Oração    
Visite-nos, Senhor, a Tua alegria.
Seja ela o dom que sustenta a nossa vida.
Tenha o poder de unir aquilo que, em nós

A pressa ou o cansaço interromperam.

Seja ela o sinal da leveza com que nos vês,
a carícia que nos estendes neste tempo,
E que a Tua presença, nos ensine 

o que significa tornar-se presente

Dá-nos Senhor, neste tempo,
a alegria de saber acolher
seja ela o perfume cada um dos nossos gestos;
traga às nossas palavras a luz daquela estrela
que o Teu Nascimento para sempre acendeu.

P. José Tolentino Mendonça (adaptado)